Cantor Cizinho, da banda Forró Bandido, morre de infarto em hospital

O artista – de 45 anos – deu entrada no hospital sentindo fortes dores e sofreu um infarto fulminante, não resistindo antes mesmo de ser transferido para um hospital particular da capital. Ele foi diagnosticado com enfisema pulmonar.

O artista lutava contra a obesidade e se preparava para fazer uma cirurgia bariátrica. Cizinho pesava 180 kg e era fumante.

Segundo o hospital, Cizinho deu entrada por volta das 16h com insuficiência pulmonar.

Cizinho tinha sido uma das atrações, na quinta, da Semana Cultural de Monsenhor Gil, e seria uma das atrações dos tradicionais festejos de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Demerval Lobão, que começou no último sábado.

O cantor é bastante conhecido da noite teresinense, além de ser destaque em vaquejadas e eventos realizados pelo interior do Estado. De acordo com informações obtidas pelo Cidadeverde.com, o cantor já apresentava problemas de saúde e, inclusive, seria submetido a uma cirurgia bariátrica nos próximos dias.

O produtor Arilson Rocha informou que os últimos shows foram realizados em Campo Maior e sábado em Jardim do Mulato.

“Ele estava em casa na Vermelha e veio procurar o hospital, entrou caminhando e sofreu paradas cardíacas e os médicos  não conseguiram reanimá-lo”.

O cantor Saulo Du Gado, que estava no hospital, lamentou a morte do artista e disse ele deixa um legado para o forró do Piauí. Cizinho foi o primeiro vocalista da banda de Saulo.

“É uma perda irreparável. Ele começou comigo quando veio pro Piauí”, disse Saulo bastante abalado.

 

 

(*) cidadeverde

%d blogueiros gostam disto: