Piauí será o primeiro estado a reduzir o total da população

O Piauí será a primeira unidade da federação a apresentar redução no total de sua população a partir do ano de 2032. É o que mostra a Projeção da População (revisão 2018), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (25). Trata-se do cálculo da população do Brasil realizado pelo órgão nas 27 unidades da federação, ano a ano, de 2010 a 2060.

Por meio dos resultados é possível obter informações como proporções de crianças, jovens, adultos e idosos na população, bem como, acompanhar a evolução das taxas de fecundidade e da idade média em que as mulheres têm filhos. Já o Brasil como um todo, por representar a média de todas as unidades da federação, só apresentará redução da população em 2048.

De acordo com o IBGE, dentre os fatores que contribuem para que o Piauí seja o primeiro estado a diminuir o número de habitantes no período de 2010 a 2060 estão:

Taxa de fecundidade

Segundo a projeção, a taxa de fecundidade das piauienses, que em 2010 possuía uma média de 1,80 filhos por mulher, tenderá a uma queda continua ao longo dos anos, atingindo a taxa de 1.69 no ano de 2060.

População mais idosa

A esperança de vida do piauiense ao nascer em 2010 era de 69,9 anos e em 2060 será de 77,03 anos. Dessa forma, com o aumento da expectativa de vida consequentemente, crescerá o número de idosos. A projeção aponta que ano de 2044 o volume da população piauiense de 65 anos ou mais de idade será superior ao volume da população menor de 15 anos.

 (Crédito: IBGE)
Gráfico mostra quando o volume da população de 65 anos ou mais ultrapassará o de menos de 15 anos (Crédito: IBGE)

 

Saldo Migratório

O saldo migratório (imigração menos emigração) será negativo para o estado do Piauí em todos os anos da projeção havendo assim, uma perda de habitantes da ordem de 15.131 habitantes em 2010 e de 10.734 habitantes em 2060.

Desse modo, conforme fatores abordados acima, a projeção feita pelo IBGE aponta que a partir do ano de 2032 a taxa média geométrica de crescimento do Piauí passará a ser negativa, razão pela qual o total da população diminuirá ano a ano.

%d blogueiros gostam disto: