Câmara aprova projeto enviado pelo prefeito Léo Matos que proíbe o corte de água e luz por 60 dias

O projeto de lei foi enviado nesta sexta-feira (20/03), onde era solicitado que fosse proibido o corte de água e energia. Neste sábado (21/3), o projeto de lei foi aprovado e está sancionado, e tambem foi baixado um decreto mandando religar o abastecimento de água e fornecimento de energia de todas as residências que estavam com o serviço suspenso.

“Reforço o pedido de ficarem em casa, evitarem visitas e qualquer tipo de aglomeração!”, Citou o atual prefeito de Gulbués, Léo Matos.

%d blogueiros gostam disto: