Lucy revela que Firmino estava depressivo, usava medicação e sofria ataques

Em entrevista ao jornalista Joelson Giordani, da TV da Cidade Verde, a deputada estadual Lucy Soares, viúva do ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho, contou como está sendo sua vida após a perda do marido.

Lucy fez esclarecimento sobre o pedido de quebra do sigilo sobre o inquérito da morte de Firmino. Segunda ela, não há motivo para manter o sigilo do caso já que Firmino era uma pessoa publica, e que não foi ela quem fez o pedido.

Segundo ela, Firmino sofria com depressão e tomava medicamentos. Lucy disse que ele não se concentrava para assistir TV, ler um livro e estava com dificuldades para dormir.

No dia da morte, Lucy disse que estava em casa esperando Firmino para almoçar, mas que ele estava demorando, que recebeu a ligação de uma amiga que foi à sua casa contar sobre a morte.

Ela afirma que no primeiro momento não acreditou, pensou ele poderia tem sofrendo um infarto ou outra forma de morte natural.

 A deputada também afirmou que o ex-prefeito vinha sofrendo diversas formas de ataques, especialmente nas redes social, e que ele andava bastante abatido.

Também  na entrevista, Lucy afirmou que sonho de Firmino era ser governador do Piauí e que iria disputar sua última eleição em 2022. Ele já estava preparando escritório e faria viagens pelo Piauí a partir de julho.

%d blogueiros gostam disto: