Luta de Whindersson e Popó arrecadou R$ 25 mi, segundo revista


    Reprodução/Instagram Whindersson Nunes

Parece que os palcos de stand up e os clipes musicais não serão os únicos lugares que Whindersson Nunes pisará profissionalmente nos próximos anos. O comediante encarou o ex-lutador e tetracampeão mundial de boxe Acelino Popó no evento Fight Music Show em Balneário Camboriú (SC), neste domingo (30/01). Mesmo com a superioridade do ex-pugilista, a luta terminou com um empate simbólico. Em entrevista para o podcast 18k, em setembro do ano passado, Whindersson revelou que a premiação seria de aproximadamente R$ 12 milhões, que serão divididos entre os dois. Segundo estimativas da revista Exame, o evento teve arrecadação de R$ 25 milhões. As informações são da coluna do Léo Dias no Metrópoles.

Além da luta, o evento teve participações especiais de Tirullipa, na apresentação, e de Wesley Safadão, que fez o show de abertura do evento, antes da luta principal. A ex-mulher de Whindersson, Maria Lina, também esteve presente no evento como espectadora.

O embate também gerou repercussão na web entre alguns esportistas: Neymar Jr. postou foto acompanhando o evento e Thiago Silva e Daniel Alves foram outros dois jogadores de futebol que também assistiram a luta de casa, pelo pay per view.

Inspiração para o Fight Music Show

Antes de chegar ao Brasil, as lutas entre esportistas e ex-lutadores contra celebridades se tornaram febre nos Estados Unidos. A dupla de youtubers e irmãos Logan e Jake Paul realizaram eventos com a participação de esportistas como Nate Robinson, ex-jogador de basquete, e Tyron Woodley, ex-lutador de MMA.

No entanto, o evento mais marcante foi a luta de Logan Paul contra o ex-campeão mundial de boxe e atleta mais bem pago do mundo, Floyd Mayweather, em meados de 2021.

%d blogueiros gostam disto: