Polícia prende suspeitos de estupro em Sigefredo Pacheco

A Secretaria de Segurança do Estado do Piauí através da Delegacia de Campo Maior e do Grupo de Repressão e Combate ao Crime Organizado (GRECO) prendeu na tarde desta quinta-feira (16/06) quatro suspeitos do caso de estupro coletivo no município de Sigefredo Pacheco, distante 155 km da capital Teresina.

De acordo com o delegado geral, Riedel Batista, a polícia já possuía o nome de cinco suspeitos do crime. Nesta quinta quatro deles foram presos no município de Campo Maior.

O fato chegou a conhecimento da polícia após divulgação de fotos e vídeos pelo WhatsApp. Em um dos vídeo, a vítima parece estar desacordada e mostra também um dos suspeitos tocando nas partes íntimas da mulher. O estupro teria acontecido dentro de um veículo.

A polícia teve a informação de que a vítima e os suspeitos foram vistos juntos, antes do crime. A polícia investiga se a mulher foi dopada antes do estupro. O caso é bastante parecido com o ocorrido na cidade de Bom Jesus.

Na terça-feira (14) a jovem realizou atendimento no Serviço de Apoio à Mulher Vítima de Violência Sexual (Samvis) e realizou exames contra doenças sexualmente transmissíveis.

%d blogueiros gostam disto: