Os heróis invisíveis: uma história de superação

Os jogos Paralímpicos são o maior evento mundial envolvendo homens e mulheres portadores de limitações físicas. Eles despertam a atenção do público, por se tratar de um acontecimento em que os participantes acreditam no ideal de superação. São heróis visíveis, símbolos aclamados pela mídia e amados por milhões de pessoas do planeta. No mundo real encontramos ao nosso redor milhares de pessoas comuns que também são extraordinárias por seus feitos. Um exemplo próximo é Júnior Pires, casado e morador da pequena cidade de São Gonçalo do Piauí. Ainda criança, foi diagnosticada com uma síndrome rara que o levou a perda da visão. A nova realidade lhe impôs alguns desafios, como andar pelas ruas, subir uma escada. Mas, em pouco tempo, ele conseguiu se adaptar à nova relida. Amigos e familiares afirmam que ele não se abateu. “Ele não cedeu ao desespero, lutou muito e conseguiu superar as dificuldades”, lembrou José Pires Teixeira, pai do Júnior. Durante os anos seguintes ele aprendeu a enxergar o mundo de maneira especial. Sempre estudioso, graduou-se em Serviço Social e, por último, em Direito. Embora tenha sofrido, Júnior afirma ter conseguido muito em sua vida. “Minha condição pode ter me impossibilitado de realizar muitas das atividades que estava acostumado, hoje enxergo de maneira diferente. Quero inovar e avançar, sempre”, concluiu Júnior.
 
 
 
 
 
 
%d blogueiros gostam disto: