Helicóptero cai no interior do Maranhão e mata dois médicos piauienses

Os médicos piauienses que morreram eram filhos das cidades de Picos e São Raimundo Nonato

A queda de um helicóptero na tarde deste dia santo de Domingo de Páscoa, primeiro de Abril de 2018,  próximo ao município de Rosário, no Maranhão, matou os médicos piauienses José Cleber Luz Araújo e Jonas Eloi da Luz. A aeronave caiu numa fazenda localizada entre os povoados Miritil e Lentel. Os piauienses eram naturais de Picos e São Raimundo Nonato, cidades do sul do Estado.

Além deles estavam no voo Rodrigo Capobiongo Braga, e o piloto, o policial civil Alfredo Oliveira Barbosa Neto. Os dois também morreram no acidente.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), o helicóptero era do modelo Robson 44, prefixo PP- WRV. A queda aconteceu a 75km de São Luís.

As investigações, segundo a SSP-MA, ficarão sob a responsabilidade do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), da Aeronáutica. Informações apuradas pela imprensa do Maranhão dão conta que o piloto voava baixo por causa da chuva e teria batido numa árvore.

Nas redes sociais, amigos deixam mensagens de condolências às vítimas do acidente.

Comentários estão fechados.