Firmino Filho nega indicação do PMDB para prefeitura de Teresina

Em entrevista no Jornal Cidade Verde desta quinta-feira (13), o prefeito eleito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), negou que o PMDB tenha feito a indicação do vereador Luiz Lobão para a Fundação Municipal de Saúde. A escolha foi interpretada no meio político como sinal de aliança entre os dois partidos, que estiveram em lados opostos na campanha eleitoral deste ano.
 
De acordo com Firmino Filho, a escolha do médico Luiz Lobão surgiu por sugestão da classe. “Ele vai ocupar a cadeira de presidente da Fundação Municipal de Saúde por uma escolha do prefeito e sugestão das entidades médicas. Não existe essa versão divulgada posteriormente acerca de uma indicação do PMDB”, disse o prefeito eleito.
 
A saída de Lobão da Câmara Municipal provoca mudanças no parlamento em 2013, dando vaga ao suplente Samuel Silveira (PMDB), que apoiou Elmano Férrer (PTB) na disputa pela Prefeitura em outubro.
 
Durante a campanha eleitoral, Lobão chegou a mover ação contra o próprio partido para garantir sua participação na propaganda de rádio e TV. Ele alegou que estaria sendo prejudicado por não declarar apoio a Elmano Férrer. 
 
Sobre a formação da equipe, Firmino Filho ainda declarou que tem se empenhado em formar um time técnico e renovado. 
 
“Ela não é uma reprodução das equipes anteriores. Durante o processo eleitoral nós vimos muito esse tipo de afirmação, que o secretariado do Firmino seria basicamente o secretariado dos mesmos técnicos das gestões anteriores. Nós buscamos fazer uma renovação grande, especialmente na parte técnica, para que nós venhamos a renovar não apenas nomes, mas renovar ideias, a motivação e o trabalho na cidade de Teresina”, completou. 
 
Firmino Filho já anunciou praticamente toda a equipe que assume em janeiro. Restam ainda Fundação Wall Ferraz, Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, Empresa de Processamento de Dados (Prodater) e Assistência Militar. Os nomes devem ser definidos até sábado.