Teresina: Protesto fecha ruas do Centro e segue para o Palácio da Cidade

Atualizada às 17h07
A Prefeitura de Teresina (PI) foi cercada por grades antes da chegada dos manifestantes na tarde desta segunda-feira (24). Policiais reforçam a segurança no protesto, que cobra transporte público de qualidade e outras melhorias. 
 
O protesto, que saiu da avenida Frei Serafim e percorreu ruas do Centro, continua pacífico. Poucas pessoas apareceram encapuzadas ou com máscaras. 
 
Militantes do PSTU, PSOL e PCO, além do DCE da UFPI, participam normalmente da manifestação.

Atualizada às 17h
A manifestação chegou até as imediações da Prefeitura de Teresina, tomando conta dos arredores do Shopping da Cidade. A estudante Mary Silva puxou palavra de ordem com gritos de “Fora Feliciano”, contra o deputado Marco Feliciano, que preside a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. Segundo ela, o parlamentar não representa as minorias. 
 
Fotos: Yala Sena/Cidadeverde.com
 
Os manifestantes erguem várias faixas e cartazes na cor roxa, sobre violência contra a mulher e machismo. Já integrantes do PSTU entregam panfletos sobre a tarifa do transporte coletivo de Teresina. 

Atualizada às 16h38
Depois de bloquearem a avenida Frei Serafim, manifestantes seguiram pela Arlindo Nogueira, passando pela praça do Fripisa, até interditar a Aerolino de Abreu. O terceiro protesto dos últimos dias em Teresina (PI) segue para a Prefeitura de Teresina de forma pacífica, com apitaço e palavras de ordem. 
 
 
Ao contrário dos dias anteriores, a pauta encontra um foco, proposto pelo DCE da UFPI: a redução da tarifa de transporte público. 
 
Além de estudantes, professores universitários também participam da passeata, entre eles o presidente da ADUFPI, Mário Ângelo.
 

Atualizada às 16h20
A avenida Frei Serafim voltou a ser interditada na tarde desta segunda-feira (24), em virtude de mais um protesto pelas ruas de Teresina – o terceiro em menos de sete dias na capital do Piauí. 
 
Desde 16h, cerca de 300 manifestantes se concentram no cruzamento da avenida com a rua Coelho de Resende, no supermercado Hiper Bom Preço. O bloqueio se prolongou por quatro quarteirões, até o supermercado Pão de Açúcar, ocupando inicialmente a faixa no sentido Centro – Zona Leste.
 
 
Depois, os manifestantes ocuparam as duas vias e seguiram em direção ao Palácio da Cidade, sede da Prefeitura de Teresina. Só lá serão definidos os destinos da passeata.
 
André Passos, membro do Diretório Central dos Estudantes da Universidade Federal do Piauí (DCE/UFPI), chamou a atenção ao segurar uma catraca. Segundo ele, é um símbolo da luta pelo passe livre para estudantes e trabalhadores desempregados, além da redução da tarifa de ônibus. 
 
Alexis Leite, professor da UFPI e ex-candidato a governador pelo PSOL, segura bandeira anarquista. Ele afirma que o movimento é pacífico, contra a corrupção e melhoria no transporte urbano. 
 
 
Aguarde mais informações