APMP cobra mais estrutura para promotores do Estado do Piauí

O presidente da Associação Piauiense do Ministério Público (APMP), Paulo Rubens, cobrou mais estrutura para os promotores no interior do Estado.

Segundo ele, a situação vivida pelos profissionais é a mesma de anos anteriores, faltando recursos humanos, financeiros, servidores e promotores.

“Até foi feito concurso para promotor, mas com os trâmites talvez os aprovados nãos sejam nomeados ate o início das eleições, Por isso, mais promotores terão que se deslocar de Teresina para acompanhar o pleito em muitas cidades do interior. Hoje temos promotores respondendo por ate cinco cidades. Infelizmente não temos servidores. E a lacuna nas promotorias no Piauí é algo presente”, afirmou o presidente em entrevista.