Iaspi quer ampliar atendimento por telemedicina


O Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Estado do Piauí (Iaspi) implantou, em 2020,  o sistema de teleconsulta para segurados e seus dependentes. Porém, para ter esse tipo de atendimento, simples e acessível, é necessário que o segurado, assim como o prestador, façam um cadastro para ter acesso à plataforma.

Tão logo a telemedicina foi regularizada no país, o Iaspi procurou uma plataforma em que, em um único acesso, o paciente tenha atendimento por áudio e vídeo na consulta com seu médico, além de ser possível também o registro de informações médicas e o envio de receitas, inclusive de medicação controlada.

Toda a rede credenciada Iaspi Saúde eletiva pode se habilitar para o atendimento remoto, permitindo que pessoas do interior do estado, por exemplo, tenham acesso à consulta com especialistas da capital, modernizando e agilizando para todos os servidores o acesso à saúde.

Dentre as especialidades já à disposição para todos os usuários do Iaspi Saúde estão: Pediatria, Ginecologia/Obstetrícia, Cardiologia, Ortopedia, Urologia, Oftalmologia, Dermatologia, Neurologia, Otorrinolaringologia, Clínica Médica, Angiologia, Psiquiatria, Clínica Geral e Cirurgia Geral.

“Embora o atendimento remoto traga algumas limitações, pela impossibilidade de exame físico, sabemos do grande benefício que esse sistema pode oferecer. A telemedicina não busca substituir o atendimento presencial, mas complementar. Estamos buscando ampliar o atendimento e empenhados em aprimorar esse serviço, seguindo as regras do atendimento eletivo, disponibilizando a toda a rede Iaspi Saúde eletiva”, assegura Daniele Aita, a diretora-geral do Instituto.

Como proceder

O Iaspi conta com uma plataforma digital, que é o recurso tecnológico necessário para garantir o atendimento seguro para o paciente e o profissional. Essa plataforma está acessível através de um link disponibilizado no site do Iaspi (www.iaspi.pi.gov.br).

O usuário, bem como o médico, terão acesso ao sistema por meio de login e senha. Cada profissional poderá disponibilizar sua agenda para que o usuário faça o agendamento de consultas por meio da plataforma, mas o agendamento também poderá ocorrer nas clínicas especializadas, já credenciadas ao Iaspi.

O dependente que tenha interesse na teleconsulta deve ligar para o prestador e verificar a disponibilidade do profissional e agendar o teleatendimento, devendo ficar atento ao dia e horário da consulta. Em seguida, deve acessar o link: http://iaspisaude.pi.gov.br/iapepsaude, e realizar seu cadastro.

Para se cadastrar, o profissional deve acessar o link: httbs//conteudo.soluti.com.br/maida , para obter todas as informações ou ligar para a Central exclusiva de atendimento ao prestador (2106-8860).  De modo a solicitar seu registro por meio do login e senha.

Seguidos todos esses passos, no horário agendado, o usuário poderá conversar com o médico. Ao fim da consulta, se necessário, ele receberá via SMS, sua Receita Digital, assinada eletronicamente pelo profissional que realizou o atendimento.  A Receita Digital é válida em todo o território nacional e serve para realização de exames, compra de medicamentos e/ou Atestado Médico.

“Sabemos da importância desse sistema e trabalhamos para melhorar o atendimento do Iaspi Saúde, em especial no interior do estado, tendo em vista que a capital reúne o maior número de especialistas, enquanto há carência de determinados profissionais especialistas nas cidades menores”, esclarece Daniele.

 



Deixe um comentário