Prefeitura substitui asfalto no cruzamento da Gil Martins com a Celso Pinheiro para aumentar durabilidade e resistência da via

Recuperação asfáltica no cruzamento da Gil Martins com a Celso Pinheiro (Foto: Ascom/ETURB)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (ETURB), deu início à recuperação da base do pavimento asfáltico em mais um trecho da avenida Celso Pinheiro, na zona sul da cidade. Desta vez, trata-se do cruzamento com a avenida Gil Martins.

Os serviços começaram na manhã da última quarta-feira (26) e consistem na recuperação da base e da camada asfáltica do pavimento. “Devido às constantes manobras e frenagem de veículos pesados no local, este ponto do pavimento sofreu deformações excessivas nas camadas inferiores do asfalto, gerando os conhecidos ‘borrachudos’ e também apareceram alguns buracos. Isso mostra que o material usado na base da via não era o adequado para suportar o tráfego do local de forma segura e eficiente”, explica o coordenador de Asfalto da ETURB, Juca Alves.

A solução proposta pelos técnicos da Prefeitura de Teresina é substituir esse material por uma nova camada de base construída com dois componentes principais: areia compactada e pedra paralelepípedo. “Será necessária a remoção da camada asfáltica existente e do material constituinte da base. O novo material utilizado será composto por uma mistura de areia compactada e pedra paralelepípedo. A areia é usada para criar uma base nivelada e sólida, enquanto a pedra será empregada para proporcionar resistência e estabilidade à base”, detalha o diretor-executivo da ETURB, Edmilson Ferreira.

O presidente da pasta, João Duarte, afirma que essa abordagem visa melhorar a qualidade e a durabilidade da via. “Nosso prefeito, Doutor Pessoa, está sempre frisando que precisamos realizar obras e serviços mais eficientes, com maior vida útil. Nossos engenheiros estão trabalhando nesse sentido e, com essa obra, vamos garantir uma base mais adequada para suportar o tráfego de veículos. A mistura de areia compactada e pedra paralelepípedo é comumente usada em projetos de pavimentação para criar bases firmes e estáveis em estradas e ruas”, finaliza o gestor.

Outro trecho da Celso Pinheiro

No último dia 12, a Prefeitura de Teresina iniciou a instalação de canais de drenagem para conduzir a água proveniente do lençol freático para um local de desague natural, evitando, dessa forma, novos problemas em outro trecho da avenida Celso Pinheiro. As obras estão sendo executadas por meio da parceria entre a ETURB, a Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas da Zonal Sul (SAAD SUL) e a Empresa Águas de Teresina.