Smpm se reúne para discutir apoio à famílias das vítimas de feminicídio


A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Políticas Públicas, debateu hoje (1) em reunião interna o apoio às famílias das vítimas de feminicídios em Teresina.

Durante a segunda-feira, 31, a SMPM esteve reunida com a Secretaria Estadual de Mulheres para iniciar o debate em torno de possíveis ações de enfrentamento ao feminicídio, como a prestação de apoio às famílias das vítimas do crime. Em reunião interna, técnicos da SMPM debateram a possibilidade da execução de demandas voltadas para esse público.

Reunião com a SEMPI para discutir ações de enfrentamento ao feminicídio. Foto (Ascom/Smpm)

A técnica do núcleo de enfrentamento da SMPM, Tathyana Lima, destaca a necessidade de apoio que as famílias das vítimas demandam. “Há uma preocupação enquanto estado e município de atender as famílias de mulheres que foram vítimas do feminicídio é inegável que essas famílias elas precisam de apoio, de acompanhamento de cuidado do estado algumas delas estão em situação de vulnerabilidade social e aquela mulher que faleceu era a mulher que talvez era a que trazia renda pra família então tudo isso tem que ser levado em consideração na construção de ações para atender essas famílias.”, enfatizou .

O assessor técnico da SMPM, Marcos Paulo Magalhães, explicou que as ações ainda estão em análise e debate, mas que foi um primeiro passo em prol da proteção dessas famílias. “A reunião de segunda-feira com a Secretaria Estadual da Mulher foi o começo desse debate, hoje em reunião interna começamos a pensar nessas medidas em como executar, por onde começar é assim oferecer mais proteção para os familiares dessas mulheres vítimas de feminicídio.”, destacou Marcos Paulo.

As reuniões para discutir o apoio às famílias, se intensificaram após o caso de feminicídio da estudante de jornalismo na Universidade Federal do Piauí, Janaína Bezerra, estuprada e morta nas dependências da unidade de ensino. As discussões devem continuar acontecendo durante todo o mês de fevereiro com o intuito de viabilizar a execução célere das ações.

 



Source link

Deixe um comentário