Prefeitura de Anísio de Abreu ignora acordo com MP pela regularização do matadouro

A gestão do prefeito Carlos Augusto (PMDB) foto ao lado, descumpriu o compromisso assumido com o Ministério Público do Estado do Piauí que previa a conclusão das obras do Matadouro Publico Municipal de Anísio de Abreu até 30 de abril deste ano.

Na última semana a equipe de reportagem visitou a obra que já se arrasta à mais de 3 anos e coloca em risco a saúde da população anisiense foi objeto do convênio SIAFI Nº 626788, celebrando entre a Prefeitura Municipal e o Ministério da Integração Nacional, fixada no valor de R$ 114.000,00.

O que era para ser uma obra marcante se revela como exemplo de uma administração descomprometida com a cidade, que ainda permite que seus 9 mil habitantes, em pleno século XXI, consumam carne sem inspeção sanitária.

Por meio de seu site oficial o Ministério Publico chego até mesmo a divulgar uma nota informando o acordo que previa o cumprimento de todas as exigências de caráter sanitário para o funcionamento do Matadouro, inclusive a realização de concurso público para a contratação de médico veterinário. Foi estabelecido também um cronograma para seu licenciamento ambiental definitivo.

A reportagem tentou contato com o prefeito sobre o caso, entretanto sem êxito, o celular do mesmo encontrava se indisponível.

%d blogueiros gostam disto: