Zé Roberto e João Vítor se firmam no Sport-PE. São piauienses de Água Branca

Não é segredo para ninguém de que Água Branca e toda Região do Médio Parnaíba Piauiense, sempre teve e tem bons jogadores de futebol, das mais variadas idades. Em Água Branca, inclusive, se realiza anualmente desde 2015 a já famosa “Copa Água Branca de Futebol de Base” , categorias Sub 15 e Sub 17, reunindo grandes clubes nordestinos e que a partir de 2017 terá patrocínio integral da Prefeitura de Água Branca, que viu no evento motivos para um maior investimento, já que dá nome a cidade e tem apoio da sociedade, movimentando dezenas de atletas de vários estados.

Josenildo Viana, diretor da Escolinha do Futuro, sediada em Água Branca, idealizador da Copa Água Branca de Futebol de Base, tem nos últimos anos conseguido abrir caminhos ligando o futebol da Capital Econômica do Médio Parnaíba e o futebol pernambucano, em especial o Sport Recife, onde tem forte ligação com a diretoria.

Dentro dessa parceria provocada por Josenildo Viana, há um mês treinam no Sport os jovens atletas filhos de Água Branca, Zé Roberto (14 anos, nascido em 2002) e João Vítor (15 anos, nascido em 2001).

Meia-atacante, Zé Roberto já é visto pela comissão técnica e diretoria do Sport como jogador de futuro, tanto que embora o pouco tempo na Ilha do Retiro, já disputou até competição em outro estado vestindo a camisa do Leão da Ilha, pois esteve recentemente na Copa Votorantim, em São Paulo, onde enfrentou times como o Internacional-RS, Atlético-MG e Cruzeiro-MG. Já João Vítor, meia-armador, também tem “enchido os olhos” da sua comissão técnica em virtude do talento e das belas jogadas, o que lhe credenciou a ser relacionado para uma competição em Natal-RN, onde o Sport será um dos grandes clubes presentes. O site de notícias piauiense, Tribuna de Barras, tem acompanhado o desempenho dos atletas aguabranquenses em Recife e feito publicações assinadas pelo jornalista Reinaldo Barros Torres.

Tanto Zé Roberto como João Vitor estão morando no Centro de Treinamento da Ilha do Retiro, suas transferências escolares já foram feitas e ambos estão estudando em Recife.

Numa categoria superior, também está no Sport o já conhecido Juninho, natural de Amarante-PI, já escalado para atuar no time profissional em algumas oportunidades.

O futebol pernambucano tem aberto literalmente suas portas para os jovens talentos do futebol piauiense, Santa Cruz, Náutico e Salgueiro também tem garotos do Piauí em sua base, enquanto os clubes do nosso Estado os desprezam, como aconteceu semana passada com o meia-atacante aguabranquense Ronaldo, 18 anos, dispensado do Piauí Esporte Clube após a chegada do técnico Marcão, juntamente com outras grandes revelações do futebol piauiense, entre elas o já famoso meia Rodrigo Ronaldo, de 19 anos, fato amplamente lamentado na mídia esportiva e nas redes sociais, com críticas severas a política de total descaso que os clubes do Piauí adotam para com seus jogadores juniores.

%d blogueiros gostam disto: