Sesapi anuncia a chegada de mais de 100 mil doses de vacinas neste sábado (07)

O Piauí vai receber 116.100 doses de vacinas contra a Covid-19, nesta sábado (07/08), anunciou o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto. Chegarão imunizantes da Pfizer, Janssen e AstraZenca. 

Essa nova remessa de vacinas contra a Covid-19 desembarca, na tarde deste sábado (07), no Aeroporto de Teresina. Ao meio dia e quinze, chegarão 31.750 doses da FioCruz/AstraZenca. Ás 15h30 chegarão 52.650 doses da Pfizer/BioNTech, 1.300 doses da Janssen e 30.400 FioCruz/AstraZenca. Enviados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), os imunobiológicos serão para aplicação da primeira (D1) e segunda (D2) doses.

Florentino Neto ressaltou que a remessa vai agilizar a vacinação dos piauienses contra a Covid-19 “Essas vacinas permitirão avançarmos no processo de imunização da nossa população. É importante que todos fiquem atentos ao calendário de seus municípios. Só com a vacinação em massa conseguiremos superar de vez essa pandemia”.

Os imunizantes serão encaminhados aos municípios, pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e distribuídos de acordo com a resolução da Comissão Intergestora Bipartite (CIB).  50% dos imunizantes serão para a população em geral de 18 a 59 anos, não contempladas nos demais grupos, 30% para grupos estabelecidos Plano Nacional de Imunização e também para 20% dos serviços essenciais escolhidos pelos conselhos municipais de saúde.
Vacinômetro

O Vacinômetro da Sesapi registra que, até as 09 horas de sexta-feira (06), foram aplicadas 1.952.056 milhões de doses. Com isso, 1.404.417 milhões de piauienses receberam a primeira dose e 542.855já garantiram sua segunda dose, além dos 47.840 mil que foram imunizados com a dose única da Janssen. Mais de 42,80% da população do Piauí já recebeu pelo menos a primeira parte da imunização e 18% está com esquema vacinal concluído.

O secretário reforça a importância de tomar a segunda dose concluindo assim a imunização contra a Covid-19 “Já temos quase 20% de piauienses imunizados contra o vírus, mas não podemos relaxar, pois vencemos apenas uma batalha, a guerra contra a pandemia continua, façamos a nossa parte. É essencial que a população procure os imunizantes e vacine-se quando chegar a sua data”, disse Florentino Neto.

%d blogueiros gostam disto: