Wellington Dias tenta explicar por que fechou hospitais em plena pandemia

Presidente do Consórcio Nordeste, o governador Wellington Dias (PT) respondeu na segunda-feira (19) aos questionamentos feitos em relação ao fechamento de hospitais de campanha. De acordo com Wellington Dias, na ocasião, não havia necessidade de mantê-los funcionando, pois estavam sem pacientes.

Além disso, Wellington Dias reverbera que a rede hospitalar pública foi ampliada e o colapso que se observa hoje no sistema de saúde não se dá pela falta de camas, de equipamentos, e sim, a falta de profissionais.

“A grande pergunta é porque fechamos os hospitais de campanha? Fechamos porque não tinha pacientes, graças a Deus ali num dado momento fizemos dois movimentos em meio a uma pandemia; dobrar ou triplicar a rede permanente pública de hospitais, ou em parcerias com o setor privado e já não precisávamos mais de hospitais de campanha, qual era o sentido de ficar 3, 4, 5, 6 meses pagando por cada leito de hospital de campanha que já não tinha necessidade, mesmo assim lá na frente com essa rede ampliada, a suspensão de cirurgias eletivas, tivemos uma situação que novamente colapsou em todo o Brasil, porque? Por falta de camas? Por falta de equipamentos? Não, por falta de profissionais, é este o problema ainda hoje”, disse.

Sabemos bem e não nos deixaremos enganar, W. Dias só quis faturar em cima da miséria e morte de piauienses.

%d blogueiros gostam disto: