Representantes da Presidência do TRT/PI participam de eventos nacionais

O Presidente e o Vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região – Piauí (TRT/PI), Desembargadores Wellington Jim Boavista e Francisco Meton Marques de Lima, respectivamente, participaram ontem, 24/10, do primeiro dia da 7ª Reunião Ordinária do Colégio de Presidentes e Corregedores (Coleprecor) na sede do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, na cidade de Campinas, em São Paulo. No mesmo dia, o Juiz do Trabalho Substituto, Auxiliar da Presidência, Roberto Wanderley Braga, participou da 1ª Assembléia do Fórum Nacional de Precatórios (Fonaprec) no Plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

COLEPRECOR

Os representantes dos TRT’s que se reuniram para a reunião de ontem do Coleprecor tiveram como uma das pautas a importância dos Juízes de Cooperação, que têm a função de facilitar a comunicação entre magistrados e órgãos do Judiciário. A criação de Núcleos de Cooperação Judiciária e dos juízes de cooperação é uma iniciativa do CNJ e uma das metas gerais do Judiciário para o ano de 2012, tendo como objetivo acelerar a tramitação dos processos.

A Justiça do Trabalho do Piauí instituiu em março deste ano, através do Ato GP 16/2012, o Núcleo de Cooperação Judiciária e nomeou o Juiz Auxiliar da Presidência, Roberto Wanderley Braga, para exercer a função de Juiz de Cooperação, tendo como suplente a juíza Regina Coelli Batista de Moura Carvalho.

 O evento acontece no hotel Royal Palm Plaza Resort Campinas até hoje (25/10).

FONAPREC

A 1ª Assembléia do Fonaprec teve como objetivo a instituição do fórum com a aprovação do seu regimento interno e a eleição dos membros das Comissões, conforme a Resolução nº 158 do CNJ. 
A finalidade do fórum será estudar melhorias para a gestão de precatórios nos tribunais, e propor medidas para ajudá-los a enfrentar as dificuldades enfrentadas na realização desses serviços.
Também estiveram presentes à instalação do Fonaprec os conselheiros do CNJ Gilberto Valente Martins e Wellington Saraiva, os juízes auxiliares da Presidência do CNJ Luciano Athayde e Fernando Mattos, os demais membros indicados para o Comitê Nacional de Precatórios e os participantes dos comitês gestores estaduais. A próxima reunião do Comitê Nacional está marcada para fevereiro do próximo ano.